Calendário 2020



Dia de São Bento próximos anos




11
Julho de 2018 ( Quarta-feira ) - Dia de São Bento
11
Julho de 2019 ( Quinta-feira ) - Dia de São Bento
11
Julho de 2020 ( Sábado ) - Dia de São Bento
11
Julho de 2021 ( Domingo ) - Dia de São Bento
11
Julho de 2022 ( Segunda-feira ) - Dia de São Bento

O Dia de São Bento é comemorado no dia 11 de julho. Considerado padroeiro dos monges, sua imagem e figura propagou-se fazendo-o ganhar o título de “padroeiro da Europa”, por ter criado a Ordem dos Beneditinos e caminhado por toda a Europa evangelizando e fundando mosteiros. O uso de sua medalha se tornou muito popular, pois acredita-se que o seu uso o protege contra os males e também serve para alcançar a espiritualidade.  Ainda tem por efeito a especial proteção de São Bento, principalmente quando se confia nos méritos do Santo e nas grandes virtudes da Cruz de Jesus Cristo. 

História de São Bento

São Bento nasceu no ano de 480, na cidade de Umbria, Itália, na casa de uma família nobre, que devido às boas condições financeiras o enviou para estudar na Cidade Eterna, na época do declínio do Império. Diante dessa decadência, Bento acabou abandonando todos os seus projetos humanos, se retirando e mantendo-se isolado nas montanhas da Úmbria.

Bento, desde a tenra idade, manifestou gosto pela oração. Dessa forma, nesse período de isolamento, dedicou-se à oração e vida de eremita, que fora ensinada a Bento por Romano, um eremita que lhe deu a batina de monge e o ajudava com alimentos. Bento permaneceu ali por 3 anos, apenas orando e aprendendo. Porém, um certo dia ocorreu de um reverendo da região, enquanto preparava o seu jantar, ter estudado uma voz que lhe dizia “estas fazendo o seu jantar enquanto o meu servo morre”. O reverendo, com grande empenho, encontrou o local em que Bento se escondia, dizendo que este era o dia da “Páscoa do Senhor”, servindo-lhe o jantar. Pouco tempo depois Bento foi encontrado por pastores e então começou a receber muitas visitas também de outras pessoas que buscavam por conselhos e orações. Parte dessa vasta experiência fez com que Bento começasse a amadurecer a ideia de fundar um mosteiro.

Por conta de sua popularidade como santidade, São Bento foi convidado para ser o superior do convento de Vicovaro. Ele aceitou o convite, porém não concordou com a forma de viver que os monges levavam, porque para ele não era como ele acreditava que deveria ser o seguimento a Cristo, incondicional. Bento, por conta desses desacordos, formou entre os monges uma inimizade contra ele, que por fim tentaram envenená-lo, Bento, após o ocorrido, foi embora do convento.

São Bento fundou doze mosteiros, dentre eles o famoso Monte Cassino, criado em 529, com a bênção do Papa Felix III. Seguindo a ideia de que a vida não precisava ser solitária e sim comunitária, e sob a direção de um abade, organizou a vida monástica comunitária e os mosteiros começaram a progredir. 

Assim, cada vez mais as famílias enviavam seus filhos para estudar nos mosteiros de São Bento, e todos eles seguiam sua famosa regra, que tinha como objetivo formar os jovens cristãos de acordo com os ensinamentos de Jesus Cristo e prática dos mandamentos. Além disso, acreditava-se que por meio dessa regra, a vida comunitária se tornava mais fácil de atingir a perfeição. Assim surgiu a reconhecida Ordem dos Beneditinos, também chamada Ordem de São Bento, que continua existindo e sendo influente até os tempos atuais. 

Origem da data comemorativa de São Bento

No Mosteiro Monte Cassino, Bento pregava o Evangelho para as pessoas e a partir das pregações e os numerosos milagres, inclusive diversos exorcismos que fazia, as pessoas começaram a se converter e ajudaram na construção de mais dois conventos com as graças de São João Batista e São Martinho. 

São Bento previu sua morte, no mesmo ano da morte de sua irmã Santa Escolástica. Mandou abrir sua própria sepultura e depois de falar aos monges, de pé com as mãos para o céu, morreu, no ano de 547, aos 67 anos, vindo a ser canonizado em 1220. 

São Bento utilizava-se do Sinal da Cruz para operar milagres e passar por cima das tentações. Daí veio o costume de representá-lo com a cruz na mão. Com o tempo, foram feitas medalhas do santo de várias formas. Para ele, o sinal era a representação de coisas boas acontecendo, um símbolo de vitória contra o mal e a morte, além de representar um símbolo de adoração e fé oficializado pelo Papa Clemente XIV em 1942.




Outras Datas Comemorativas

20
Março - Dia da Agricultura
25
Novembro - Black Friday 2016
13
Setembro - Dia do Programador

Política Privacidade

CalendárioBr 2019 - todos os direitos reservados


X

Receba grátis semanalmente em seu e-mail um resumo com as datas mais importantes. CalendárioBr, cadastre-se!


Agora não, obrigado!