Calendário 2017



Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro próximos anos




1
Março de 2016 ( Terça-feira ) - Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro
1
Março de 2017 ( Quarta-feira ) - Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro
1
Março de 2018 ( Quinta-feira ) - Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro
1
Março de 2019 ( Sexta-feira ) - Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro
1
Março de 2020 ( Domingo ) - Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro

Dia da Fundação da Cidade do Rio de Janeiro

A data de 1° de março marca o Dia da Fundação da Cidade do Rio de Janeiro, fato ocorrido em 1565, por Estácio de Sá. Nesse dia, o sobrinho do governador-geral do Brasil, Mem de Sá, desembarcou num istmo que havia entre o Morro Cara de Cão e o Pão de Açúcar, onde ergueu uma paliçada e declarou fundada a cidade do Rio de Janeiro.

Mas a história da cidade do Rio de Janeiro começou muito antes e, por estranho que pareça, ainda carrega algumas características de sua história anterior à colonização. A região onde hoje está a cidade era habitada por índios temiminós desde milhares de anos atrás. Por volta do ano 1000, os índios tamoios, também chamados de tupinambás, invadiram o local e expulsaram seus antigos habitantes, permanecendo apenas uma tribo, que ocupava a ilha de Paranapuã, atual Ilha do Governador.

Rio de Janeiro: a história registrada

A história conhecida registra o dia 1° de janeiro de 1502 como o descobrimento da região pelos portugueses, liderados por André Gonçalves Coelho, que denominaram a baía Rio de Janeiro, imaginando tratar-se de um grande rio, e que ali era sua foz. Aliás, Guanabara, em sua origem tupi, significa "rio-mar", que era como os índios designavam o local.

Os anos seguintes trouxeram outras expedições, como colonizadores que se instalavam pelo local e erguiam casas com as pedras encontradas. Essas casas eram chamadas pelos índios de "cari-oca", ou seja, "casa de branco". Assim, o termo carioca passou a designar os nativos da cidade até os dias atuais.

Rio de Janeiro: os franceses

As riquezas do novo mundo, no entanto, atraíam a atenção de outros povos europeus, interessados em fundar novas colônias. Assim, em 1555, Nicolas Durand de Villegagnon, que queria criar uma colônia calvinista, chegou ao local para fundar a França Antártica, que teria como capital Henriville. O local escolhido foi uma ilha, que denominaram Ilha de Villegaignon, local onde hoje está o aeroporto Santos Dumont.

Aliando-se aos tupinambás, os franceses conseguiram expulsar os temiminós da ilha de Paranapuã, e estes fugiram para o atual Espírito Santo, então sob domínio português. Alertados, os portugueses se prepararam e, entre 1560 e 1567 retornaram ao local, derrotaram os franceses e tamoios e reocuparam a Baía de Guanabara. Outra data que marca a história do Rio de Janeiro é o dia 15 de março de 1560, quando ocorreu o primeiro ataque aos franceses, comandado por Mem de Sá, terceiro governador-geral do Brasil, que expulsou os franceses da Fortaleza de Coligny, retornando em seguida a Salvador, então a capital da colônia do Brasil.

Os franceses se refugiaram no interior, junto com os índios, e retornaram para ocupar a fortaleza. Quando a notícia chegou à Coroa Portuguesa, o rei enviou Estácio de Sá, sobrinho de Mem de Sá, para ocupar definitivamente o local e fazer a paz com os índios.

Rio de Janeiro: novamente sob domínio português

No dia 20 de janeiro de 1565, Estácio de Sá fez a sua primeira reunião de guerra aos franceses. Em homenagem à data, Estácio de Sá a denominou São Sebastião do Rio de Janeiro, homenageando o então rei-menino de Portugal, Dom Sebastião, também lembrando o dia do santo católico, que era o padroeiro da missão de ocupação.

Em 28 de fevereiro de 1565, Estácio de Sá conseguiu aportar sua esquadra na Baía da Guanabara e, após forte batalha, conseguiu expulsar os franceses. No dia seguinte, 1° de março, ele fundou oficialmente a cidade, celebrando a primeira missa aos pés do morro Pão de Açúcar, agradecendo a São Sebastião pela vitória.

Os franceses, resistentes, só foram definitivamente expulsos em 1567, numa batalha com o apoio de Mem de Sá. Estácio de Sá, seu sobrinho, morreu atingido por uma flecha, em 20 de fevereiro de 1567.

Os portugueses, finalmente livres do invasor, transferiram a cidade para a região hoje chamada de Morro do Castelo, de onde se podia observar toda a baía e defender a cidade. Ali foi criado o primeiro Colégio Jesuíta, a igreja dedicada ao padroeiro São Sebastião, a fortaleza militar, prédios públicos e residências.

Era o nascimento da Cidade Maravilhosa. 

A cidade do Rio de Janeiro está localizada na região sudeste do Brasil, e é considerada a segunda maior metrópole do país. É o principal destino turístico da América Latina, e costuma atrair milhares de turistas ao longo do ano, devido a sua bela paisagem que mistura pontos urbanos com a natureza. Sua paisagem urbana foi considerada um Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO em 2012.

Possui diversos pontos turísticos, entre eles estão o Pão de Açúcar, o Cristo Redentor, as praias de Copacabana e Ipanema, e muito mais. 

O Rio de Janeiro foi a capital do Brasil entre os anos de 176 e 1960, depois disso o governo mudou para a cidade de Brasília, que havia sido construída há pouco tempo. 

O Dia da Fundação da Cidade do Rio de Janeiro aconteceu no dia 1º de março, data que hoje é feriado para a sua população. 



Imagens para Compartilhar no Facebook

Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro
Foto: ShutterStock



ou envie para seus amigos do Face ->
Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro
Foto: ShutterStock



ou envie para seus amigos do Face ->
Dia da fundação da Cidade do Rio de Janeiro
Foto: ShutterStock



ou envie para seus amigos do Face ->


Política Privacidade

CalendárioBr 2017 - todos os direitos reservados


X

Receba grátis semanalmente em seu e-mail um resumo com as datas mais importantes. CalendárioBr, cadastre-se!


Agora não, obrigado!