Calendário 2017



Dia de Iemanjá próximos anos




2
Fevereiro de 2016 ( Terça-feira ) - Dia de Iemanjá
2
Fevereiro de 2017 ( Quinta-feira ) - Dia de Iemanjá
2
Fevereiro de 2018 ( Sexta-feira ) - Dia de Iemanjá
2
Fevereiro de 2019 ( Sábado ) - Dia de Iemanjá
2
Fevereiro de 2020 ( Domingo ) - Dia de Iemanjá

Dia de Iemanjá

O Dia de Iemanjá é festejado em 2 de fevereiro, celebrado como festa religiosa em diversos estados brasileiros. A homenagem é feita à ?Rainha do Mar?, título dado a Iemanjá pelas religiões afro-brasileiras, como o candomblé e a umbanda.

No Dia de Iemanjá, os adeptos religiosos da umbanda e candomblé e também os simpatizantes vestem-se de branco e têm o costume de ir à praia, onde depositam oferendas para a Rainha do Mar. São espelhos, joias, perfumes, comidas e objetos de enfeite, considerados os mais apropriados para atender às vaidades de Iemanjá.

Origem do Dia de Iemanjá

No sincretismo religioso, situação criada pelos antigos escravos africanos para continuar a honrar seus orixás, foi criada a ligação entre esses orixás e os santos da igreja católica. A Iemanjá coube a honra de ser ligada a Maria, mãe de Jesus, que tem em sua homenagem a festa comemorada em 2 de fevereiro com o título de Nossa Senhora dos Navegantes.

Os africanos utilizaram a mesma data para criar a festa em homenagem a Iemanjá, uma vez que Nossa Senhora dos Navegantes é ligada ao mar e nesse dia há uma grande procissão fluvial.

Na década de 1960, a Igreja criou uma reação contra as homenagens prestadas no mesmo dia, já que considerava as homenagens a Iemanjá parte de um culto pagão, situação que em nada mudou. Nos tempos atuais, o Dia de Iemanjá continua a ser festejado, principalmente na Bahia, em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul.

O sincretismo religioso se mantém, ligando Iemanjá a Nossa Senhora em seus diversos títulos, como ?da Glória? (no Rio de Janeiro), ?Conceição? (na Bahia) e ?dos Navegantes? (no sul do Brasil).

História de Iemanjá

Os nomes que Iemanjá tem no Brasil são muitos: Yemanjá, Janaína, Aiucá, Rainha do Mar, Inaé, Dona Janaína, Maria Princesa do Aioka, e todos eles representam a figura feminina de um orixá africano derivado de ?Yeyé omo ejá?, expressão do idioma iorubá que significa ?mãe cujos filhos são peixes?.

Iemanjá era o orixá cultuado pelos Egba, nação iorubá que vivia no sudoeste da Nigéria, na Áfria, entre as regiões de Ifé e Ibadan, local de origem da primitiva religião africana, e que tinha um rio de mesmo nome, Yemanjá, cortando suas terras.

Os povos da grande nação iorubá viviam em guerra e, no século XIX, os adeptos egba de Iemanjá foram obrigados a fugirem de sua região, próxima ao rio Iemanjá, estabelecendo-se perto do rio Ogun, onde continuaram cultuando sua divindade original.

Dia de Iemanjá na Umbanda

O Dia de Iemanjá é comemorado em datas diferentes no Brasil, dependendo do estado. Na Bahia e nos estados do sul, a festa é realizada no dia 2 de fevereiro, os paulistas consideram o dia 8 de dezembro, dia da Imaculada Conceição, como também consagrado a Iemanjá, e os cariocas fazem a festa no primeiro dia do ano, com os rituais típicos de Ano Novo.

Todas as festividades, porém, tem os mesmos objetivos: agradar a Rainha do Mar e prestar homenagens à beleza e à vaidade da orixá Iemanjá.


 




Outras Datas Comemorativas

22
Abril - Dia de São Sotero
17
Janeiro - Dia de Santo Antão
20
Março - Início do Outono

CalendárioBr 2017 - todos os direitos reservados


X

Receba grátis semanalmente em seu e-mail um resumo com as datas mais importantes. CalendárioBr, cadastre-se!


Agora não, obrigado!